Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 30abr

    Revista Minha Vida

    Quando os a temperatura começa a cair, logo vem aquele medo de ver o ponteiro da balança disparar, já que costumamos comer e beber mais alimentos calóricos para esquentar o corpo. Sem contar que a força de vontade para praticar atividade física precisa ser redobrada, quando você lembra do frio que faz lá fora. Assim, o inverno geralmente manda embora parte dos resultados que conquistamos na preparação para o verão. O peso

    Para se manter aquecido, nosso corpo contrai de forma involuntária os poros, pois eles funcionam como isolante térmico, impedindo a perda de calor para o ambiente. Essa contração favorece um discreto acelerar do metabolismo e, por isso, necessitamos de mais energia, que vamos buscar, invariavelmente nos alimentos calóricos, como massas, pães e no chocolate quente. “A tendência é aumentar o consumo de alimentos ricos em gorduras como, por exemplo, fondue, carnes, bolos, queijos. As gorduras levam maior tempo para ser digeridas e combinam com as baixas temperaturas”, explica a nutricionista Roberta Stella.

    No que diz respeito às bebidas, as mais procuradas costumam ser aquelas que envolvem chocolate e bebida alcoólica. Porém, nem sempre elas são a opção mais magra e certeira para esquentar o corpo. “As bebidas alcoólicas são vasos dilatadores. Apesar de aumentarem a temperatura corporal num primeiro momento, a dilatação dos vasos faz com que haja maior dissipação do calor, fazendo a sensação de frio voltar rapidamente”, afirma Roberta. “Por outro lado, a cafeína presentes nos chás, cafés e chocolates são vasos constritores e reduzem o efeito de calor no frio. São, por isso, boas pedidas para o inverno”.

    Mas abrir mão das bebidas alcoólicas e de uma xícara de chocolate não precisa ser sinal de passar frio ou fome! Bem pelo contrário, por meio de substituições desses alimentos vasos constritores por versões menos calóricas, é possível preparar bebidas nutritivas e gostosas. “Para deixar as bebidas mais leves, utilize adoçantes ou açúcar mascavo ou produtos light. Mas, o mais prudente mesmo, é consumir em pequena quantidade”, recomenda a nutricionista Roberta Stella. aumenta e, como se na bastasse, parece mais difícil eliminar os quilos adquiridos. Mas esse drama de inverno tem explicação.

    Publicado por jagostinho @ 16:34



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

2 Respostas

WP_Cloudy
  • geraldo Disse:

    É sempre assim a gente malha feito um desgraçado para o verão e chega o inverno engorda o dobro. Uma desgraça.

  • ana paula Disse:

    e não tem jeito. Chega o friozinho e dá uma fome…

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.