Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 01jun

    PARANÁ ONLINE/ELIZABETE CASTRO

    Lula e Pessuti - reunião decisiva amanhã

    O governador Orlando Pessuti (PMDB) viaja hoje a Brasília, onde esta noite terá um encontro com o presidente nacional do PMDB, deputado Michel Temer. Amanhã, Pessuti será recebido pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Na pauta, estão assuntos administrativos, mas principalmente a sucessão estadual do Paraná.

    Pessuti não vai sozinho para essas conversas. Estará acompanhado do presidente estadual do PMDB, deputado Waldyr Pugliesi. Um dos primeiros a se posicionar a favor da candidatura própria do PMDB ao governo do Estado, Pugliesi disse ontem que “cautela” e “confiança” são os sentimentos que o guiarão nessas conversas.

    Pugliesi afirmou que os encontros serão importantes para saber como a direção nacional do PMDB e o presidente da República avaliam o quadro político-eleitoral do Paraná. “É bom saber como eles estão vendo o quadro do Paraná. Na política, assim como em tudo, é preciso mão dupla”, afirmou.

    Embora não admita, Pessuti sabe que é grande a chance de o presidente Lula pressionar para que PMDB e PDT se entendam e se juntem ao PT para fazer uma aliança de apoio à pré-candidatura da ex-ministra Dilma Rousseff à presidência da República.

    Para isso, Pessuti teria que aceitar o apoio do partido à pré-candidatura do senador Osmar Dias (PDT) ao governo. Uma hipótese que o governador, pelo menos publicamente, não admite.

    “Espero ouvir do presidente Lula e do PT o seu apoio a nossa pré-candidatura e candidatura ao governo do Estado, pois o PT sempre foi nosso aliado no Paraná e o PMDB apóia o governo Federal do PT. Se nós damos este apoio também esperamos o mesmo”, disse em seu site.

    Questionado se ainda há possibilidade de desistência de sua pré-candidatura, Pessuti negou mais uma vez. “Não vou abrir mão da candidatura e o ideal seria que tivéssemos muitos candidatos. Eu sempre disse que minha cota de desistências já foi cumprida quando abri mão da vaga de conselheiro do Tribunal de Contas (TC)”, declarou em seu site.

    O presidente estadual do PDT, deputado Augustinho Zucchi, assegura que é quase inexistente o interesse do partido pela conversa entre Pessuti e Lula. “Para nós, não há o que analisar. O encontro é do presidente da República com o pré-candidato do PMDB ao governo. Não temos expectativa nem deveríamos ter”, reagiu.

    A alternativa predileta da ala parlamentar do PMDB é que Lula atue para que o PT apóie a pré-candidatura de Pessuti ao governo em troca de um palanque para a ex-ministra.

    Mas no pacote está a exigência de coligação na disputa proporcional. No PT, entretanto, esta condição não está entre as aceitáveis. Há ainda o grupo que insiste num acordo com o PSDB para a Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa.

    O deputado Luiz Claudio Romanelli é adepto desta corrente. Ele acha que é legalmente possível o PMDB ter candidato ao governo e, ao mesmo tempo, estar coligado na eleição proporcional com outro partido que já tem uma candidatura ao governo.

    “Nós estamos buscando uma configuração que permita a reeleição dos nossos dezessete deputados”, disse Romanelli. Ele vê na aliança proporcional com o PSDB o caminho mais seguro para garantir a eleição de uma bancada numerosa para o PMDB.

    Publicado por jagostinho @ 08:37



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

8 Respostas

WP_Cloudy
  • GABRIEL de MATTOS Disse:

    Pura perda de tempo do Lula. O Pessutão não dá votos. Quantos votos ele fez para vice? Nenhum. Se elegeu nas costas do requião. E agora vira o coxo. Manezão

  • Virgilio Disse:

    Está enganado Gabriel. O Pessuti tem luz própria e é forte candidato. E terá meu voto. Requião é coisa do passado.

  • Valter Grilo Disse:

    O pessuti tem que ter desconfiometro e cair fora. Abrir caminho para Osmar . Senão entreguem a eleição para o Beto de uma vez. Se Liguem!!!

  • Eduardo Monteiro Disse:

    Acho que a atitude mais coerente já que o governo caiu no colo do pessuti é ele governar e não ficar fazendo campanha com a caneta de governador. E depois faz um dupla com Kielse e vai cantar na Zona de ivaiporã!!

  • Susineide Disse:

    Gente , mais respeito com o governador. Homem ilibado e companheiro.

  • salomão o verdadeiro Disse:

    Bem ilibado? Dizem que vem chumbo contra ele nos escandalos da Assembleia. Vamos ver se é tão honesto como falam.

  • luisa Disse:

    Falar mal do pessuti é coisa de ignorante. E muita dor de cotovelo tambem.

  • Tweets that mention Jota Agostinho » Arquivo do Blog » PESSUTI DISCUTIRÁ SUCESSÃO COM LULA E TEMER -- Topsy.com Disse:

    […] This post was mentioned on Twitter by Desi, Jota Agostinho. Jota Agostinho said: : PESSUTI DISCUTIRÁ SUCESSÃO COM LULA E TEMER http://bit.ly/cBF2Rk […]

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.