Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 02jul

    Primeiro quero destacar um trecho de pauta da Agência de Notícias do Governo do Paraná29/06/2010 -12:39:-

    >>>> Após a assinatura, em Paranaguá, às 11h, no Hospital Regional do Litoral, o governador e o secretário entregam as obras do Hospital Lucy Requião de Mello e Silva, em Guaraqueçaba (Litoral do Paraná), no valor de R$ 4,6 milhões.

    Construído em uma área de 2 mil metros quadrados, a unidade, que atenderá exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), contará com 20 leitos, pronto-atendimento 24 horas, ambulatório de especialidade como obstetrícia e pediatria, centro cirúrgico, área de radiologia, clínicas médicas e consultórios, além de um heliponto que permitirá a chegada ou saída de pacientes em situação de urgência médica.

    Data: 30.06.10 (quarta-feira)

    Hora: 11h

    Local: Hospital Regional do Litoral – Rua dos Expedicionários, 269 – bairro Palmital, Paranaguá. <<<<


    Agora reproduzo texto que recebi de um atento leitor deste Blog:-

    >>>>PESSUTI, O NOVO LUPION DO PARANÁ

    Jotinha meu caro, veja esta do Pessuti.

    Amanhã, 30 de junho de 2010, ás 11:00 da manhã, no estacionamento do HRL – Hospital Regional do Litoral em Paranaguá (aliás inaugurado pelo Requião),
    o governador em exercício (pra mim continua sendo só em exercício)  inaugura o HOSPITAL LUCY REQUIÃO DE MELO E SILVA. Tudo bem, tudo lindo.

    Uma bela homenagem a mãe do ex-governador Roberto Requião de Melo e Silva. Só que o dito hospital fica em GUARAQUEÇABA. É! Isso mesmo!

    Com essa, o Vera Loyola da política araucariana (tem quem diga que seja o Mazzaropi, pessoalmente não concordo, o Amácio era verdadeiro),  lança seu nome ao panteão dos políticos folclóricos do nosso estado.

    Inaugurar uma obra de uma cidade em outra. Isso por uma questão logística, é claro.

    Se fosse até Guaraqueçaba, dentro do belo helicoptero não caberiam todos os lambe-lambes, cinegrafistas, escribas, periodistas, puxa-sacos e o seu ego inflado.

    Então, faz numa cidade maior, onde a cobertura será melhor, mesmo que a obra esteja a 40 quilômetros dali.

    É isso, amigo.

    Abraços

    César <<<<

    OBSERVAÇÃO: –  A conclusão é de vocês. Está certa a atitude do governador?

    Publicado por jagostinho @ 16:02



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

5 Respostas

WP_Cloudy
  • Gabriel Disse:

    Não acho certa a atitude dele.
    O Pessuti realmente está com o ego em alta, viu!

  • Tweets that mention Jota Agostinho » Arquivo do Blog » MOISÉS LUPION OU MAZZAROPI ? -- Topsy.com Disse:

    […] This post was mentioned on Twitter by Jota Agostinho, Vera Lucia , Jota Agostinho, Jota Agostinho, Jota Agostinho and others. Jota Agostinho said: @lizperotti MOISÉS LUPION OU MAZZAROPI ? – http://bit.ly/aDxHty […]

  • Ferreira Disse:

    Pessuti fez carreira à custa do Requião. Foi presidente da Assembléia, vice-governador [duas vezes] e até indicado para o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas. Prestava, agora não presta mais. Aqueles que defendem o Requião, deviam lembrar que o ex-governador é escorpião, não resiste à tentação de ferir mortalmente quem lhe ajuda e estende a mão. Quem viver, verá. Inclusive certos bloguistas e certos tuiteiros…

  • Jorge Disse:

    1. Não entendi a referência a Moisés Lupion.

    2. Sobre o Hospital de Guaraqueçaba: eu quero ver é se de fato (não de mentirinha) haverá nesse hospital a presença de pediatras, obstetras, cirurgiões, radiologistas, etc. Torço para que seja verdade, pois o povo de Guaraqueçaba merece, mas não creio que em menos de cem anos isso se efetivará.

  • biela silva Disse:

    o ex gov.Requião é peixe quem deve ser escorpião é o atual que cospe no prato que comeu.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.