Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 11jul

    PARANÁ ONLINE/ROGER PEREIRA

    Encerrado o período de registro de candidaturas, o eleitor já pode conhecer, acessando o Diário de Justiça número 125, no site do Tribunal Regional Eleitoral (WWW.tre-pr.jus.br), os nomes dos mais de 900 pretendentes a um cargo eletivo que postulam o voto dos paranaenses na eleição de outubro.

    E uma consulta aos nomes desses candidatos pode render algumas revelações, como descobrir que personagens pitorescos, do folclore das cidades, têm pretensões políticas, ou conhecer apelidos bizarros que alguns candidatos adotam para chamar a atenção.

    Grillo, Lentilha, Papai Noel, Pelé e Palhaço Torradinha são alguns dos nomes que o eleitor paranaense poderá encontrar nas urnas nesta eleição. Mesmo sem um histórico na política, personagens famosos do Estado também buscam uma vaga na Assembleia Legislativa ou na Câmara dos Deputados.

    Do Rádio e da Televisão sempre despontam candidatos, como o deputado estadual Luiz Carlos Martins (PDT), que busca a reeleição. Seu rival na briga pela audiência, Gilberto Ribeiro, também pretende brigar pelos votos, é candidato a deputado estadual pelo PSB.

    Bem menos intimidade com o microfone tem Lauro Rodrigues (PRP). O ex-candidato a prefeito de Curitiba que ficou famoso pelo branco que teve na hora de dar uma resposta no debate da Band, em 2008, reaparece, como candidato a deputado estadual. Sorte dele que não há debate nas proporcionais.

    Uma figura com importância histórica para o esporte paranaense também tentará uma cadeira na Assembleia. O treinador de futebol Rafael Cammarota, ex-goleiro de Atlético e Coritiba, campeão brasileiro de 1985 pelo Coxa disputará sua primeira eleição, pelo PV.

    “O Aladin (Luciano, vereador do PV e também ex-jogador do Coritiba) vem me convidando a tempos para entrar para a política. Desta vez, resolvi encarar”, conta. Rafael disse que dedicaria um mandato à causa do esporte, “com atenção especial ao ex-atleta, que quando encerra a carreira fica desamparado”.

    O treinador, que negocia contrato com um clube do interior do Paraná, disse que pretende conciliar as duas carreiras. “Tem atleta profissional querendo chegar aos mil gols, que é vereador em Goiás, porque eu também não posso ser técnico e deputado?”, comentou, lembrando o caso do atacante Túlio.

    E a bancada dos goleiros pode ter ainda um representante na Câmara Federal. O ex-goleiro Raul Plasmann, que apesar de paranaense fez sucesso por Flamengo e Cruzeiro é candidato pelo PSC. Ex-secretário municipal de Esporte e Lazer, o comentarista da Rede Globo parece ter gostado do meio político.

    Das ruas da cidade, também surgem algumas figuras exóticas que desejam se submeter ao voto do povo. O Papai Noel do PPS, que passa o ano todo e não só o mês de dezembro vestido como o bom velhinho e distribuindo balas para a criançada e os personagens do Calçadão da Rua XV de Novembro de Curitiba, Sheila da Cobra e Leão Brasil estão na disputa.

    Assim como o bruxo Chick Jeitoso, que costuma prever o futuro, apesar de ter apontado Alvaro Dias (PSDB) como novo governador do Paraná (mas o senado tucano acabou nem se candidatando) e prever que um país que já havia sido campeão mundial faturasse a Copa do Mundo deste ano.

    Os nomes curiosos e personagens conhecidos vão enfrentam a concorrência de muitos que não são famosos, mas aproveitam seus nomes para trocadilhos de gosto duvidoso. O candidato Erasmo Bulzico (PSC), registrou-se como “Meu Amigo Erasmo”; Pedro Ross virou “Pedro Biau Ross”; e Hélio Castro Gomes está registrado como “Gás Helio Looko”.

    E há, ainda os que aproveitam os apelidos de infância ou relacionados a sua profissão, como Flávio Ferreira, o Lentilha. “É meu apelido há 15 anos, que ganhei no meu grupo de dança, nem lembro porque. Se disputasse a eleição com o meu nome próprio, acho que só minha família votaria em mim”, disse o candidato, que com o apelido, conseguiu 302 votos nas últimas eleições, para vereador, em Curitiba.

    O eleitor ainda terá a opção de votar em Pequena, Marcelino Pão e Vinho, Gaúcho Trovador, Moretti do Puma, Lúcia do Passarinho, Gordinha do Suco, Jajá Corneteiro, Galo di Ouro, Nego D’água, Baixinho da Motoca, Tibúrcio do Faustão e Tia do Suco, entre outros.



    Publicado por jagostinho @ 11:02



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

5 Respostas

WP_Cloudy

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.