Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 16jul

    Amigo Jota

    Você sabe o quanto estive envolvido com a vinda ou não da Copa do Mundo para Curitiba e principalmente para qual estádio ou local.

    Pois bem, depois de tudo aquilo que aconteceu, aquela armação toda, os mandos e desmandos para que a Arena da Baixada fosse escolhido o palco, das garantias já havidas , ditas e entregues, vejo hoje, á distância, esse novo entrevero, agora pela grana não havida.

    É lamentável que um deputado, representante de 82.666 votos, seja ignorante sobre a matéria e apresente assim, à roldão,  um projeto que vise o vilipêndio do dinheiro público.

    Já postei ontem em seu blog um comentário sobre o tal NAMING RIGHTS, dito com salvação à lavoura atleticana, curitibana, paranaense enfim nossa.

    MINHA NÃO!!! Não aceito pagar essa conta. Mas para provar o que digo, segue anexo o CADERNO DE ENCARGOS DA FIFA.

    Está em inglês, mas na página 8, está a SECTION 3 – PROVISION AND USE OF THE STADIUM. Siga até o item 3.9:

    No Third Party Rights: During the Exclusive Use Period, the Stadium shall be delivered to FIFA and the LOC – LOCAL ORGANISING COMMITTEE – free of any and all third party rights and opportunities, including naming rights and rights to seats (including skyboxes and hospitality suites) such as those commonly afforded to season ticket holders or debenture holders.

    TRADUÇÃO:

    Nenhum Direito de Terceiros: Durante o período de uso exclusivo, o estádio será entregue à Fifa e à livre LOC – COMITÊ LOCAL DE ORGANIZAÇÃO – de todos e quaisquer direitos de terceiros e oportunidades, incluindo os direitos e os direitos de nomeação para lugares (incluindo camarotes e suítes de hospitalidade),
    como aqueles comumente oferecidas aos detentores de bilhete de época ou debenturistas.

    Por isso, o que querem vender à COPEL inexiste. Não pode ser aplicado.

    Não somente porque vai contra o estatuto da empresa, como as normas da ANEEL, mas principalmente porque é um produto que não pode ser tangido.

    Além é claro, dos valores. Se a KIOCERA pagava ao mesmo Atlético, pelo mesmo uso U$2.000.000,00 ano, essa grana pleiteada pelo grupelho paga ao menos 20 anos de Direitos Nominativos.

    Você sabe que sou atleticano, daqueles de freqüentar a Baixada, mas como paranaense não devo nem posso concordar com tamanha benevolência no trato da coisa pública.

    Saúde e sorte, Amigo.

    Abraço

    César Teixeira

    Publicado por jagostinho @ 16:24



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

6 Respostas

WP_Cloudy
  • Tweets that mention Jota Agostinho » Arquivo do Blog » CARTA DE UM ATLETICANO -- Topsy.com Disse:

    […] This post was mentioned on Twitter by Desi, Jota Agostinho. Jota Agostinho said: CARTA DE UM ATLETICANO – http://bit.ly/d7nLDk […]

  • Germano Disse:

    Sou coxa e parabenizo ao atleticano Cesar por sua coerencia. Ainda tem gente boa entre os porcos !!!!

  • Farpinha Disse:

    esse cesar é um coxa enrustido. Mas tem que avisar o traíra Betonelli que o Coxa quer grana ca Copoel também. Ou vamos iniciar uma campanha:Fora Romaneli!!

  • Mario Celso Petraglia Disse:

    César,
    Posições contrárias e não conformes estamos acostumados, no entando, precisam estar fundamentadas e conter no seu bojo premissas verdadeiras e não tendenciosas…

    É verdade que a FIFA durante o mês dos jogos da Copa reserva todas as áreas de exposição de marcas para os seus patrocinadores, porém, será somente naquele período… É tão verdade que num ráio de 2km do estádio, bares, restaurantes e demais estabelecimentos comerciais precisarão esconder as marcas conflitantes.

    O país sede escolhido tem uma exposição mínima de 6 anos, desde o ano da definição até a data dos jogos, com intensa atenção para o perído logo após encerramento da última, no caso África do Sul em 7/2010 até 7/2014 quando teremos encerramento da próxima, que será no Brasil, perído de 4 anos quando o mundo do futebol estará voltado para o Brasil!

    Afirmar que o CAP está vendendo o que não poderá entregar é no mínimo ignorância (desconhecer os fatos), ou pretender deformar a verdade verdadeira…
    Em 2006 na Copa da Alemanha, a exclusão por 40 dias do nome do grupo segurador Allianz da fachada da Arena de Munich deu muito mais exposição na mídia mundial do que se ali tivesse permanecido… Foi mostrado para + de 200 paises a retirada e a volta da marca que nomina aquele estádio espetacular construído também com participação do estado e dinheiro público!!!

    A Copel é uma empresa de economia mista, e o dinheiro que será aplicado não pode ser considerado a “fundo perdido” tem comprovadamente retorno, nem “dinheiro público”, a cia é uma instituição de capital aberto com participação de 80% dos seus acionistas do capital total em nome de fundos, instituições, pessoas físicas e jurídicas privadas, além do que, ela não está impedida de fazer publicidade instituicional da sua marca, principalmente quando o retorno dos valores serão multiplicados por dezenas de vezes, existem mecanismos e empresas que fazem estes controles e valoração da exposição/veículos que a marca Copel ficará exposta!

    Não foi definido o tempo que a Copel terá o direito de explorar o melhor produto de promoção e publicidade, “o nome na Arena da Baixada”, no futebol, no melhor e mais moderno estádio do Brasil no período do antes e após Copa do Mundo. Pelo valor de mercado já comprovado por 5/6 anos o preço a ser pago pela Copel estará de conformidade, ninguém pretende assaltar aquela empresa.

    É de conhecimento de todos (você com certeza não sabe), que o retorno dos investimentos para os jogos da Copa têm reflexos no mínimo de 10 anos depois da sua realização, ou seja, a África do Sul estará faturando em todos os sentidos até 2020 pela realização da Copa do Mundo em seu país!
    Quantas pessoas no mundo sabiam o que sabemos hoje sobre aquela maravilhosa nação e do seu povo?

    Não tenho palavras para demonstrar a tristeza que sindo lendo comentários e afirmações como as tuas é lamentável que o povo paranaense não tenha o amor necessário pelas suas coisas e acaba sendo dominado pela pequenez, mediocridade e autofagia que predomina na alma da nossa aldeia! Você fez as contas se o Paraná e Curitiba ficarem fora dos jogos da Copa do Mundo de 2014, as receitas diretas e indiretoas que perderemos, as perdas materiais e emocionais que sofreremos?

    Saudações rubro-negras!
    Mario Celso Petraglia

  • César Teixeira Disse:

    Quanta honra! Mario Celso Petraglia, á replicar-me.

    Bem, não acuso o CAP de vender o que não pode entregar, mas sim os que fazem a manobra. O CAP é, nesse caso, apenas e tão somente instrumento.

    Sou publicitário Sr. Mario, e posso assegurar que a retirada de uma marca de qualquer edifício é sim uma imagem muito forte, mas isso não traduz necessariamente em business reccal. Pelo contrário. Se não explicitada, exposta, veiculada de maneira a traduzir o motivo, poder gerar uma perda para a empresa.

    Entendo o retorno de mídia indireta, sei das facilidades de exposição, concordo com os tais 10 anos, embora não me lembre do patrocinador da França de 98, nem do nome da cidade que hospedou o Brasil em 2002, tão pouco da empresa aérea que levou a Argentina em 2006. Mas não vou entrar nesse mérito, a discussão não é essa.
    Sou a favor da Copa. Por razões óbvias, é o segundo maior evento de marketing esportivo do mundo, depois do SuperBowl. Também concordo em partes com as precipitações de infra-estrutura que podem acontecer com rodovias, portos, aeroportos e até hospitais, mas, e sempre tem um, não acredito nas pessoas que vão fazer a Copa no Brasil. Com dinheiro privado, talvez sim. Público, jamais. O acontecido no PAN 2007 assustou crédulos e incrédulos.

    Para encerrar: o senhor com certeza, não passou a usar Rexona por causa do time de volei? Isso é Brasiiiiilllllllllll!!!!

    Abraços e saudações rubro-negras.
    César Teixeira

  • Jota Agostinho » Arquivo do Blog » A RESPOSTA DE MARIO CELSO PETRAGLIA Disse:

    […] resposta a o torcedor atleticano, César Teixeira, cuja carta publiquei em 16/07  (clique aqui), o eterno presidente do Atlético, Mario Celso Petraglia, fez esta […]

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.