Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 02abr
    PORTAL BONDE

    A promotoria de Defesa do Patrimônio Público abriu procedimento 

    Barbosa Neto : "é uma leviandade"

    administrativo para apurar supostas irregularidades em serviços de segurança contratados pela prefeitura de Londrina.

    A denúncia é de que profissionais da terceirizada Centronic prestavam expediente na rádio Brasil Sul, de propriedade do prefeito Barbosa Neto (PDT).

    Os vigias, segundo a denúncia, cumpriam expediente na rádio, em turnos de 12 horas, entre junho de 2009 a julho de 2010.

     

     

    Depois de ouvirem dois funcionários administrativos da terceirizada, na tarde desta sexta-feira (1º), promotores divulgaram holerites dos vigias à imprensa como prova da irregularidade.

    Os documentos mostram rendimentos mensais e descrição de serviços prestados à Prefeitura de Londrina.

    “Efetivamente se comprovou que essas pessoas prestaram serviços para a Brasil Sul e eram contratadas pela Centronic, sendo certo que nos holerites dessas pessoas constavam o nome da Prefeitura Municipal de Londrina”.

    “Nós temos prova documental, no sentido de que no holerite dos funcionários consta expressamente Centronic Segurança e embaixo Prefeitura Municipal de Londrina como contratante”, disse o promotor Renato de Lima Castro.

    O advogado da empresa, Elias Mattar Assad, desmentiu a irregularidade. “É um equívoco muito grande de como funciona a contratação de vigilantes”, disse.

    Na manhã de hoje, o prefeito Barbosa Neto demonstrou irritação ao ser questionado sobre o assunto na coletiva semanal de imprensa.

    “É uma leviandade. Se tivesse algum tipo de ligação promíscua, não teria razão para o prefeito cancelar o contrato com a Centronic e abrir outro processo licitatório vencido por outra empresa. Essa pecha de corrupto, de inidônio não vai pegar na nossa administração e nem na minha pessoa”, criticou.  

    A promotoria deve ouvir outras pessoas sobre o caso nos próximos dias, incluindo o prefeito Barbosa Neto.

    Publicado por jagostinho @ 13:19



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • @r_rene Disse:

    De novo essa Centronic. Já não basta o que aprontaram em Curitiba. Pilantras.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.