Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 02abr

    SITE DA PREFEITURA DE TIBAGI

    Presidente da Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) e prefeito de Tibagi, Sinval Silva (PMDB) esteve na capital federal em busca de recursos para pavimentação do último trecho ainda não asfaltado da Transbrasiliana (BR-153) no país.

    Ele encontrou nesta terça-feira (29) com a senadora Gleisi Hoffmann (PT), em Brasília, para reivindicar a conclusão da obra em aproximadamente 60 km entre o distrito de Alto do Amparo em Tibagi, passando por Ipiranga, até Imbituva, na região dos Campos Gerais do Paraná.


    A pauta principal da viagem foi a pavimentação da BR-153, mas Sinval aproveitou para solicitar o pagamento de empenhos de obras iniciadas pelo governo federal em Tibagi.

    “No ano passado a conclusão da Transbrasiliana foi sinalizada para entrar no PAC 2 [Programa de Aceleração do Crescimento] e agora reforçamos a solicitação para que o governo da Dilma [Rousseff, presidenta] execute a pavimentação”, explica Sinval.

    “Tenho boas perspectivas de que vamos conseguir esta importantíssima obra que vai beneficiar toda a região. Vejo muita transformação para melhor, um impulso no desenvolvimento da região com o asfalto completo, de Sul a Norte do país”, realça.

    A Transbrasiliana corta o Brasil entre o Rio Grande do Sul e o Pará, pela parte central. De todo o trajeto, apenas o trecho entre Tibagi e Imbituva continua sem asfalto.

    Sessenta quilômetros foram pavimentados nos últimos anos pelo governo federal, entre Ventania e Tibagi. O então ministro do Planejamento do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Paulo Bernardo, foi o principal articulador político para a liberação de quase R$ 120 milhões aplicados na obra.

    “Agora existe um pré-orçamento de R$ 17 milhões para a fase inicial deste outro trecho e é isso que viemos requerer”, pontua Sinval.

    O presidente da AMCG esteve acompanhado também do prefeito de Reserva, Frederico Bittencourt Hornung Neto (PTC), do secretário de Urbanismo e Obras Públicas de Tibagi, Rildo Leonardi.

    Recursos para Tibagi

    Das reivindicações específicas para Tibagi junto aos deputados, Sinval foi requerer a liberação dos recursos de emendas já aprovadas em 2010 para a conclusão das obras de revitalização que estão paralisadas na cidade, a exemplo da praça Leopoldo Mercer e do Estádio Municipal Homero de Mello.

    “Também fomos agilizar a liberação de recursos do Minha Casa Minha Vida para a construção de 108 unidades habitacionais em parceria com o Movimento União Por Moradia em Tibagi e investimentos para a construção de um novo Cmei [Centro Municipal de Educação Infantil] na sede urbana”, finaliza.

    Publicado por jagostinho @ 15:23



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.