Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 12abr

    Paraná Online/Rodrigo Sell

    Depois de bater em 20 mil associados, o Coritiba começa a fazer a contagem

    Arquibancada do Couto: área mais popular está quase lotada.

    regressiva para fechar os lugares destinados a sócios nas arquibancadas e na social superior.

    São apenas 1,5 mil vagas no local mais popular e 800 nas cadeiras cobertas e mais caro.

    Mas com a participação nas oitavas de final da Copa do Brasil, e a proximidade do Brasileiro, o clube espera esgotar esses lugares.

    O Coxa já não vende mais vagas na social inferior, enquanto o setor da Mauá ainda oferece uma oferta ampla.

    O objetivo do clube é de que, no futuro, apenas uma carga de 15% fique disponível para compra nas bilheterias.

    “Estamos percebendo que em alguns dos setores começa a reduzir a disponibilidade. Entrando o Brasileiro deve reduzir ainda mais. Diariamente, estamos mês a mês aumentando o número de sócios”, avisa José Rodolfo Gonçalves Leite, superintendente administrativo.

    Para agilizar ainda mais a vida de quem quer se associar, o clube faz plantão hoje até às 19h, amanhã até 21h e na quinta-feira até 19h30. Tudo para fechar as cotas nos setores disponíveis.

    “Essa é uma das receitas mais significativas para o clube, hoje quase superior ao televisionamento”, compara.

    Para a administração alviverde ter sócios é melhor do que depender das bilheterias apenas nos dias de jogos.

    “Isso deu uma receita financeira bem maior porque você foge da sazonalidade, das intempéries e tem o sócio fiel”, justifica Leite.

    Além disso, ele promete vantagens ao torcedor.

    “Na arquibancada, o sócio paga R$ 50,00 por mês e se tiver quatro jogos fica R$ 12,50 cada um. Vale a pena. Dos espetáculos caros, o futebol é o mais barato”, garante o superintendente alviverde.

    Os planos vão de R$ 25,00 (direito a meio ingresso) até R$ 135,00 (entra na social superior).

    Um ingresso avulso, no momento, custa R$ 60,00 e pode aumentar, ao contrário dos planos de sócios, que deve continuar nos mesmo patamares.

    “Por enquanto, não estamos pensando nada a respeito”, afirma o superintendente, referindo-se a reajuste.

    Pela política de fidelização, a ideia é deixar as arquibancadas do Alto da Glória tomada praticamente pelos sócios ainda este ano.

    “O sócio tem uma responsabilidade na manutenção de um plantel [elenco] competitivo”, destaca.

    Assim, na visão de José Rodolfo Gonçalves Leite, essa parceria está dando certo. “O torcedor está confiando na forma como o clube tem sido administrado e o time está correspondendo”, diz.

    Quem não se associar ainda poderá comprar ingressos avulsos mais caros e limitados.

    O clube manterá sempre uma carga de 15% para os sócios especiais, que pagam metade, torcedores em geral e sócios que queiram levar eventualmente um acompanhante.

    Publicado por jagostinho @ 13:37



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.