Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 23abr

    UOL/ESPORTES

    • Técnico Adilson Batista diz que Atlético deve colocar tradição em campo para bater CoritibaTécnico Adilson Batista diz que Atlético deve colocar tradição em campo para bater Coritiba

    O técnico Adilson Batista disse que confia na tradição e na força do Atlético-PR, no Atle-Tiba do próximo domingo. O treinador ressaltou o bom momento do Coritiba, mas afirmou que o time rubro-negro está preparado para obter uma vitória.

    “É um jogo diferente, é um clássico, contra um time que vem apresentando o melhor futebol do Brasil, a gente tem visto. Agora, não é invencível. Existe respeito pela tradição do Atlético, pela força do clube. Então vamos colocar isto em campo também”.

    A partida deste domingo coloca em jogo o título paranaense e uma invencibilidade de 25 jogos do time coxa-branca, na temporada.

    “Não dá para ficar se iludindo com elogios, se abatendo com críticas, ou criando um fantasma que irá enfrentar um mostro. Não, vamos jogar, bola. É um clássico, um jogo duro, difícil, um adversário que vem bem, mas que nós temos capacidade e condições de vencer”, completou o treinador.

    Adilson contestou que a principal arma de sua equipe é a bola parada. Na goleada de 5 a 0 sobre o Bahia, quatro gols nasceram deste tipo de jogada.

    “O Atlético também sabe jogar, também joga com a bola no chão, constrói  jogadas para finalizar. Então, não depende só da bola parada. É um fator importante, que tem um exímio cobrador, que é o Paulo Baier (…) Então, nos três jogos, com exceção do Paranavaí, a gente já teve um volume de jogo melhor”.

    Time indefinido

    A esperada definição da equipe não aconteceu nesta sexta-feira. Na reapresentação dos jogadores, não houve treinamento com bola, apenas exercícios regenerativos.

    O técnico disse que preferiu poupar o time, que jogou na quarta-feira à noite, pela Copa do Brasil. “Não dá para fazer nada puxado com jogo na quarta e no domingo. Precisamos de controle. Por isso temos fisiologistas e preparadores. Temos que ter bom senso”, afirmou o treinador.

    A tendência é que ele repita a formação que venceu o Bahia, fazendo um única mudança, lateral-direita: Rômulo, que não está inscrito no Paranaense, sai para a volta de Wagner Diniz.

     

    Publicado por jagostinho @ 14:12



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

6 Respostas

WP_Cloudy
  • Esekiel Disse:

    O Adilsom que me desculpe, mas vamos ganhar pois precisamos completar a volta, pois no ano passado só demos meia volta no estádio semi acabado !!!

  • Harry Pote Disse:

    Porcada não perde por esperar. Iremos para mais uma vitória facinho, facinho..

  • TARCÍSIO Disse:

    O técnico dos babacas está certo. Não somos invencíveis. Não existe time invencível no mundo ! Mas contra este timinho do chiqueiro chamdo Arena não perdemos, nem querendo!!!

  • antonio carlos Disse:

    O cara perdeu uma ótima oportunidade de não dizer besteira. Quem disse que o Coxa não é imbatível? Não existe time imbatível, muito menos os dirigidos por este tralha. Tony

  • rafa Disse:

    meia volta, volta e meia, vamos dar…coritiba bi-campeão de novo

  • Míriam Disse:

    EU PREFIRO UM JOGO DE COMPADRES : OXO .

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.