Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 25abr

    Acompanhei o futebol por muitos anos. Foram décadas. Nele conheci muita gente.

    E, bem lá para trás, tive o privilégio de conviver com um jovem executivo, Vilson Ribeiro de Andrade.

    Já era um apaixonado coxa-branca que sempre estava ao dispor dos dirigentes do clube na época, liderados por Evangelino da Costa Neves.

    Já naquele tempo era discreto e humilde mas que não recusava tarefas para o bem do seu Coritiba.

    O tempo passou. Muito tempo. Nos esporádicos encontros, sempre alegre e refinado, tornava estes momentos prazeirosos.

    Já deixei o rádio-esportivo há quase 7 anos. Mas, acompanhei sua trajetória vitoriosa no seu Coritiba.

    Confesso que me emociono pois vejo que, mesmo vitorioso de forma tão retumbante, não perdeu sua humildade e discrição.

    Hoje, sem dúvida, é a maior revelação entre os dirigentes do futebol brasileiro.

    Educado e sereno mas sempre firme na defesa do seu clube.

    Sinceramente, sempre imaginei que depois de Evangelino o Coritiba teria dificuldades para encontrar um sucessor. E teve. Mas encontrou.

    Procurei em todas as fotos da festa de ontem e não encontrei a figura de Vilson Ribeiro de Andrade.

    Outros dirigentes que adoram holofotes lá estavam. É só observar esta foto abaixo:

    O grande comandante não aparece na foto

    Mas sei que a alma está lavada pois sua dedicação, junto com tantos outros, é claro, deixou uma nação feliz.

    Tantos participaram desta espetacular conquista. Cada um à sua maneira.

    Contudo, sem um comando firme e competente tudo poderia ter ido água abaixo.

    Afinal, a inveja e a vaidade são componentes que povoam o mundo do futebol.

    Aqueles mesmos torcedores que choraram de tristeza com o rebaixamento e a suspensão do Couto, extravasaram suas emoções contidas e sua alegria.

    E sabem que o clube teve um grande comandante, Vilson Ribeiro de Andrade, o vice-executivo do Coritiba.

    Se não ele parece nas fotos da comemoração, vai aí uma foto sua, como um tributo deste blog a alguém que dignifica o futebol. Parabéns, Vilson.

    VILSON RIBEIRO DE ANDRADE - UM LÍDIMO CAMPEÃO

     

    Publicado por jagostinho @ 08:03



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

2 Respostas

WP_Cloudy
  • Jorge Disse:

    Oportuno o seu texto!
    Este título, a mais expressiva conquista do Coritiba em campeonatos paranaenses, tem nome e sobrenome: Vilson Ribeiro de Andrade.
    Ele reuniu cada pedaço de pau que sobrou daquela batalha campal promovida por maus coxas brancas no jogo com o Fluminense e a partir daí deu a direção correta ao Clube.
    Compreendeu, contrariando talvez a maioria, que o técnico era bom e que o elenco era bom, e que a queda foi uma fatalidade do futebol.
    Rompeu com as “organizadas” (manto sob o qual se esconde um bando de arruaceiros), articulou a defesa jurídica do Clube, associou-se à Prefeitura de Joinville, manteve o excelente técnico Ney Franco, manteve os atletas, fez tudo certo.
    Daí decorre este bicampeonato espetacular e a espetacular campanha na série B, onde fomos campeões com folga, apesar de termos jogado um turno inteiro longe de nossos domínios.

  • MÍRIAM Disse:

    TEXTO CLARO E MUITO BEM PONTUADO . PARABÉNS .

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.