Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 05jul

    Paraná Online/Rodrigo Sell

    Allan Costa Pinto
    Valores não foram divulgados, mas a compra da área foi feita em parceria com o governo do Catar.

     

    Após inaugurar o Espaço Dirceu Krüger na semana passada, o Coritiba acerta os últimos detalhes do contrato de compra de um haras em Campina Grande do Sul para unificar todos os jogadores do clube num só espaço de treinamento.

    A meta é adquirir a área e começar as alterações necessárias para que os trabalhos com bola possam ser realizados.

    Este mês, o clube deve reunir imprensa e convidados para o anúncio oficial, mas a grande novidade é que o associado alviverde também será beneficiado com uma “espaço campestre” para lazer no espaço de 430 mil m2.

    “Temos um objetivo primeiro agora de dotar o novo CT para a gente utilizá-lo o mais rápido possível. Como é um espaço de 18 alqueires a nossa ideia, além de CT, é fazer um espaço para o associado, fazer o que eu chamo de espaço campestre”, revela Vilson Ribeiro de Andrade, vice-presidente do Coxa.

    Segundo ele, seria uma área de lazer. “Para o nosso associado ter um local para fazer refeições, de repente uma festividade de aniversário ou passar o dia dentro das instalações porque é muito grande a área e eles possam ter um lazer. É uma forma que tem de retribuir o carinho”, enumera.

    Segundo o dirigente, os 30 mil sócios estão sendo fundamentais na reestruturação do clube e nada melhor do que pensar neles nesse momento também.

    “O associado, além de carinhoso, tem sido pró-ativo em ajudar o clube a sair da situação que estava. Estamos saindo graças à grande ajuda que o associado tem dado ao clube”, agradece Andrade.

    Isso, no entanto, não quer dizer que o Coritiba vai virar clube social. “Apenas uma sede campestre em que o sócio poderia participar mais da vida do clube, diferente de um Graciosa ou o Curitibano porque nosso carro-chefe será sempre o futebol”, avisa.

    E essa sede campestre e mais a possibilidade de dez campos de futebol para treinamentos estarão em Campina Grande do Sul.

    “Estamos na fase final de fechamento de uma negociação para a compra de uma área de 18 alqueires e o objetivo do novo CT é centralizar todos os nossos jogadores, tanto profissionais quanto amadores, num mesmo centro de treinamento”, informa o dirigente.

    A compra, por valores ainda não divulgados, será feita em uma parceria com o governo do Catar e deverá ser melhor explicada no lançamento do empreendimento, que o clube prevê ainda para este mês.

    Ao mesmo tempo, o clube investe também no CT da Graciosa. “Uma série de melhorias nos campos, porque tínhamos um problema de excesso de água quando chovia e inviabilizava os treinamentos. A gente está fazendo os drenos do campo 5, que é o que tinha mais problema e acredito que em mais 15 dias estaremos entregando ao treinamento dos juniores”, finaliza o vice-presidente.



    Publicado por jagostinho @ 14:47



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • Antunes Disse:

    Jota anote aí pra não esquecer, este novo CT Coxa vai dar uma despesa alta de manutenção, vide o CT do Caju. O Inter não tem CT e revela mais jogadores que os três da capital juntos, os três com CTs.
    E os gaúchos estão certos, pois investem em software e não em hardware, como eles costumam dizer.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.