Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 06nov

    Radar on-line/Lauro Jardim/Veja.com

    Copa com FGTS

    Contrabando na MP para dar uma mãozinha à Copa

     

    Passou na Câmara e seguiu para o Senado uma Medida Provisória que libera o uso do dinheiro do FGTS para financiar as obras dos estádios da Copa 2014. Originalmente, a MP não previa essa nova utilização do FGTS. Renato Molling (PP-RS), no entanto, achou por bem enfiar um contrabando no texto original que tratava de impostos para empresas exportadoras.

     

    Sem Serra

    Serra foi viajar

     

    Na segunda-feira, o PSDB faz um grande seminário no Rio de Janeiro, com o objetivo manifesto de sacudir o partido e discutir ações estratégicas para o Brasil.

    Estarão lá desde FHC, Aécio Neves, Sergio Guerra, os oito governadores tucanos, os economistas ligados ao partido (Arminio Fraga, Gustavo Franco e Pérsio Arida).

    Todo mundo, enfim. Menos José Serra, que resolveu viajar para o exterior e, providencialmente, só retorna na terça-feira.

     

    Contrato garantido

    Luciano e Zezé: suspense no contrato

     

    Uma megacampanha publicitária de 180 milhões de reais com Zezé Di Camargo e Luciano quase subiu no telhado com o anúncio da dissolução da dupla.

    A JBS-Friboi fechara um contrato de um ano para usá-los na promoção de uma nova linha de carnes. Os sertanejos Victor & Leo e Luan Santana também participariam dos comerciais.

    Depois do recuo de Luciano, a JBS respirou aliviada e já marcou a gravação dos primeiros comerciais do quinteto para o fim do mês.

     

    Dilma em tom áspero

    Ao ataque – Dilma: reunião de trabalho com ela não é brincadeira

     

    Como é de praxe nas reuniões que Dilma Rousseff tem com empresários, o clima nunca é de tapinhas nas costas. É de embate.

    Em um encontro no dia 19 de outubro em Moçambique com altos executivos de companhias gigantes brasileiras, ela passou uma descompostura pública no presidente internacional da Galvão Engenharia, Carlos Namur.

    Lá pelas tantas, Namur falou de um projeto de sua empresa que levaria energia elétrica de Moçambique para a África do Sul. Dilma não gostou do que ouviu.

    Cortou Namur (“Desse assunto eu entendo”) e desandou a criticar o empreendimento.

    Namur fez o que não devia: tentou polemizar com a presidente: “Deixa pelo menos eu terminar de explicar”. Levou um passa-fora.Dilma cortou sua palavra.

    Ela acabou dizendo que falaria com Armando Guebuza, presidente de Moçambique, para alterar o projeto.

    Até Marcelo Odebrecht levou um discreto chega pra lá, embora em um tom muito mais ameno, quando explicava detalhes de suas obras na África: “Marcelo, já entendi, não precisa falar mais”.

     

    Sangue, suor e sorrisos

    Só dá ele - Anderson Silva: a Globo quer uma cara risonha para o UFC

     

    A Globo está negociando com Anderson Silva para que ele faça parte do seu projeto UFC.

    Quer que o lutador seja um misto de mestre de cerimônias e comentarista do violento esporte que a emissora passará a transmitir — em uma palavra, a cara do UFC na Globo.

    A ideia é beneficiar-se do jeitão light e risonho de Anderson para espantar a carga de pancadaria e sangue que o UFC costuma exibir.

    No dia 12, ainda em fase de testes, Anderson estreia na nova função na primeira luta que a Globo transmitirá.

     

    PR e a volta dos que não foram

    O retorno ao palácio

     

    Na segunda-feira à tarde, quando entrar na sala de audiências do Planalto para comandar a reunião de coordenação, Dilma Rousseff vai dar de cara com Lincoln Portela sentado em uma das cadeiras reservadas aos líderes partidários da base aliada (o nome dele já está na lista dos convidados confirmados).

    Lincoln? Mas ele não é o líder do PR na Câmara, aquele partido que declarou independência da base após a faxina de Dilma nos Transportes?

    O próprio! Lincoln, que chegou a assinar o requerimento de abertura da CPI da Corrupção, saiu-se com essa para justificar o retorno ao universo palaciano:

    – A gente é independente, mas é amigo. Recebi o convite da Ideli e do Vaccarezza. Agora vou consultar os universitários.

    A propósito, Lincoln adianta que o PR irá votar em peso com o governo na discussão da DRU.

     

    A cebola e o bacon do McDonald’s são reais?

    Conar autorizou a publicidade de sanduíche a continuar do mesmo jeito

     

    O Conar arquivou ontem uma denúncia contra uma campanha publicitária do Mc Donald’s.

    Alguns consumidores reclamaram que as imagens da cebola e do bacon do sanduíche CBO veiculadas em anúncios eram irreais.

    O conselho considerou mais importante os ingredientes estarem nos sanduíches e autorizou o comercial a continuar no ar exatamente do mesmo jeito.

     

    Agnelo sob vigilância

    Estão de olho nele

     

    Pegou muito mal para Agnelo Queiroz a demissão em massa da cúpula da Polícia Civil do DF.

    Gente graúda no Judiciário enxergou o óbvio na decisão: uma tentativa de inviabilizar o trabalho da polícia, responsável pelas investigações que revelaram a ligação de Agnelo com João Dias, o delator do esquema de corrupção do Esporte.

    A leitura de quem transita nesse meio é de que Agnelo está sob vigilância e corre risco de trilhar o mesmo caminho de José Roberto Arruda, caso seja flagrado utilizando o cargo para eliminar provas de supostas irregularidades.

    No meio político, a opinião não é diferente. Veja Demóstenes Torres:

    – O Agnelo quer transformar a polícia do DF em uma polícia política. Isso é muito perigoso, porque a polícia vai começar a perseguir adversários, forjar provas a favor do governador e até eliminar evidências produzidas contra ele.



    Publicado por jagostinho @ 12:43



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.