Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 04dez

    UOL NOTÍCIAS

    SÓCRATES, QUE DEUS O TENHA !

    O ex-jogador Sócrates morreu  às 4h30 neste domingo, no hospital Albert Einstein, em São Paulo, em decorrência de infecção generalizada.

    Ídolo do Corinthians, Sócrates, de 57 anos, havia sido internado pela 3ª vez desta vez em virtude de infecção intestinal. A infecção, porém, se generalizou, afetando outros órgãos.

    Nas outras internações, o ex-atleta batalhou contra cirrose hepática, que causou hemorragia e problemas sérios no esôfago.

    De acordo com o jornalista do UOL Juca Kfouri, Sócrates começou a passar mal após um almoço em um hotel em São Paulo na quinta-feira.

    No mesmo dia, ele foi encaminho ao hospital Albert Einsten em Alphaville.

    Pouco depois, Sócrates foi transferido para a sede do hospital. 

    Ele pode ter sofrido a infecção intestinal causada por uma bactéria.

    Sócrates esteve em sua terceira internação neste ano após tratar a hemorragia digestiva que teria sido causada pelo consumo de álcool de forma prolongada.

    Na primeira internação, Sócrates ficou oito dias na UTI, recebendo alta em 27 de agosto.

    Os médicos instalaram uma espécie de cateter para estancar a hemorragia entre o pescoço e o fígado.

    Aliviado quando deixou o hospital na primeira vez, em 27 de agosto, o ex-jogador afirmou que tinha vencido a luta e que ainda “incomodaria bastante”.

    No entanto, voltou a ser internado nove dias depois, em estado gravíssimo.

    “Ele chegou mais morto do que vivo ao hospital”, relembra um dos filhos de Sócrates.

    Sócrates tinha um perfil atípico para um jogador.

    Formado em medicina, o ex-meio-campista se engajou em lutas políticas, como o Diretas Já, nos anos 80.

    Ele foi um dos artífices da Democracia Corintiana, que estabelecia poderes aos jogadores nas decisões do clube.

    O ex-jogador jamais escondeu o que pensava.

    Sócrates enfrentou o alcoolismo, problema enfrentado ainda como atleta profissional.

    Pela seleção brasileira, Sócrates disputou duas Copas do Mundo: 1982 e 1986.

    O primeiro Mundial foi o que mais marcou o Magrão, autor de belos gols no torneio, entre os quais contra a União Soviética e Itália.

    Esquerdista e politizado, Sócrates estudou proposta para comandar a seleção de Cuba, mas a negociação não evoluiu.

    O ex-jogador deixa mulher e filhos. Raí, um dos seus irmãos, ficou famoso por ser ídolo no São Paulo na década de 90.

     

    Publicado por jagostinho @ 07:33



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy
  • Fernando Correa Martins Disse:

    Vá com Deus, Doutor. Descanse. Primeiro ídolo do meu irmão no futebol, tirando o grande Rafael, goleiro do fantástico Coritiba.

    SAV

    Abs

    Fernando

  • MÍRIAM Disse:

    FOI VENCIDO POR UMA DOENÇA CHAMADA ALCOOLISMO.
    UMA PENA! DESCANSE EM PAZ!

    Que os jovens de hoje pratiquem suas baladas alcooólicas com muita moderação ,(e sem dirigir) pois o fígado, não aguenta excessos.

  • Cleverson Lima - Rodopiou.com Disse:

    Um cara impar. Não peguei sua época no futebol, mas pela biografia, pela Democracia Corintiana, pela participação nas Diretas Já, pelas idéias, pela formação, fica para mim a certeza de que Sócrates era um grande, em todos os campos.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.