Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 10dez

    EFE

    Mais da metade dos americanos acredita que o presidente Barack Obama não merece a reeleição em 2012, o que demonstra a frustração dos eleitores diante da atual crise econômica, segundo uma pesquisa nacional divulgada nesta sexta-feira.

    A menos de um ano das eleições gerais, os eleitores seguem pessimistas sobre o rumo da economia, e essa frustração está afetando as chances de Obama emplacar um segundo mandato, segundo a enquete da emissora de televisão CBS.

    Apenas 41% dos americanos acreditam que Obama fez seu trabalho suficientemente bem para merecer o segundo mandato, enquanto 54% pensam o contrário.

    O nível de aprovação de Obama segue em um patamar inferior ao obtido por qualquer um de seus antecessores a esta altura do primeiro mandato, indicou a CBS.

    Segundo a pesquisa, apenas 33% das pessoas ouvidas aprovam a gestão econômica de Obama, o que representa o nível mais baixo de sua Presidência nas enquetes realizadas pela CBS, enquanto 60% dos participantes desaprovam a administração do presidente nesse tema.

    A última vez que Obama obteve aceitação superior a 40% nessa área foi em fevereiro deste ano.

    Desde o início de 2008, aproximadamente três em cada quatro americanos acreditam que a economia segue um mau caminho.

    Agora, 86% pensam que a economia segue “mal”, incluindo os 42% que a descrevem como “muito mal”.

    Apenas 28% dos participantes acreditam que Obama conseguiu melhorar a situação econômica no país, e a maioria dos americanos pensa que o líder não compartilha as prioridades da população.

    O presidente americano é mais bem visto na área de política externa e por sua liderança.

    Desde a morte do líder da Al Qaeda, Osama bin Laden, em maio deste ano, Obama foi bastante elogiado por sua gestão na luta antiterrorista.

    A enquete da CBS assinalou que 57% das pessoas ouvidas aprovam sua gestão na luta contra o terrorismo, embora os eleitores se encontrem divididos, com 41% para cada lado, sobre sua administração da política externa em geral.

    A pesquisa ouviu 856 eleitores entre 5 e 7 de dezembro e tem margem de erro de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

    Publicado por jagostinho @ 09:11



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Uma resposta

WP_Cloudy
  • MÍRIAM Disse:

    OLHE BEM PARA OS EX PRESIDENTES AMERICANOS E VEJAM QUE TODOS ERAM CLAROS, ALTOS E COM UMA FEIÇÃO BEM AMERICANA. O OBAMA NÃO POSSUI ESSAS CARACTERÍSTICAS FÍSICAS, RAZÃO PELA QUAL, NÃO ESTÁ SENDO BEM ACEITO.

    E MAIS ,ESTÃO PERDENDO A FAMA DE IMPERIALISTAS DESDE QUE A MAQUIAGEM QUE BUSCH DEIXOU EM SEU GOVERNO COMEÇOU A DERRETER.

    OBAMA PEGOU CARONA NA CRISE DE SEU ANTECESSOR ,E, ENCONTRA DIFICULDADES PARA REORGANIZAR O CAUS , AINDA MAIS PORQUE O MUNDO CAPITALISTA ESTÁ SE ESPREMENDO E DERRAPANDO EM SUAS FALHAS;

    MUDANÇA DE GOVERNO MUDA A SITUAÇÃO MUNDIAL ONDE TODOS OS PAISES SE ENCONTRAM MERGULHADOS EM DÍVIDAS E COM DIFICULDADES DE SE REORGANIZAREM ?

    NÃO SÓ OS EEUU , MAS A EUROPA E A AMÉRICA DO SUL DÃO SINAIS DE QUE TEMPOS PIORES VIRÃO ……VAMOS AGUARDAR…

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.