Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

8 Respostas

WP_Cloudy
  • Marcão Disse:

    Esse dá gosto de votar. Ganha no primeiro turno.

  • Ultra/ultra Disse:

    Agora como vai explicar tudo que falou de seu agora aliado Lula? Quem mudou o Lula ou o Fruet? Povo tá de olho!!!

  • Wirney Disse:

    Será que vai sempre esta monocórdica pergunta: Fruet com Lula? Que falta de assunto. Qdo Fruet for prefeito quem vai mandar é ele e não o Lula. Quem gosta de pedir conselhos ao Lula é a Dilma e não o Fruet.

  • Quincas Disse:

    Inventem outra. Essa das críticas do Fruet ao Lula já era. O q interessa é que ele é capaz e não tem um desvio de conduta moral em sua carreira política. Isto é oq importa. dá-lhe Gustavo!! Rumo a vitória !

  • Patricia Disse:

    Voto na pessoa e não em aliança ou partido. Isto não existe no Brasil. E assim fará o curitibano que vai eleger Gustavo Fruet no primeiro turno.

  • jaiminho Disse:

    Oh Patricia. A coisa não é tão simples assim. “Diga -me com quem andas e te direi quem és”. Fruet não fez a coisa certa. E não terá meu voto. Aliás, não vou votar para ninguém.

  • Patricia Disse:

    Jaiminho, está frase é antiga e cheia de mofo. Os tempos são outros. E ao votar em ninguém demonstra que vc é omisso. Por essas e outras que os políticos deitam e rolam na roubalheira. O Fruet é sério como foi seu pai. Vem de berço sua dignidade. Mude de ideia e vote no Fruet , cara!

  • Adriano Monteza Disse:

    Sou do time que vota na pessoa. Partidos e alianças no Brasil são uma piada. E de todos os candidatos, o melhor é, disparado , o Gustavo Fruet, futuro prefeito de Curitiba, a partir de 2013.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.