Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 11jul

    [email protected]

    O candidato a prefeito de Curitiba pelo PMDB, Rafael Greca, anunciou nesta terça-feira, 10, em reunião com o presidente da

    Rafael Greca em reunião com o presidente da Federação das Indústrias do Paraná, Edson Campagnolo – Foto Freddy Pinheiro

    Fiep (Federação das Indústrias do Estado do Paraná), Edson Campagnolo, que irá criar uma política municipal de arrefecimento tributário para estimular a economia da capital paranaense.

    Na Fiep, Greca propôs a redução do atual índice de 5%, para 3% o ISS (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza).

    “Minha visita ao presidente (da Fiep, Edson Campagnolo) é para manifestar o meu propósito de reduzir o ISS, o Imposto Sobre Serviços, na próxima gestão municipal”.

    “Por quê, isso? Porque a minha experiência aconselha que, em momento de crise, a gente cobra menos impostos para gerar maior propriedade e fazer a cidade mais forte do que as dificuldades”,  ressaltou Rafael Greca.

    O candidato do PMDB também entregou ao presidente da Fiep uma cartilha com as principais propostas de campanha e para a Prefeitura de Curitiba, que incluiem ações para todas as áreas, como economia, social, cultura e urbanismo.

    Economia

    Ao abordar temas econômicos, Greca citou o recente caso de demissão de 208 funcionários da multinacional Volvo, na região da Cidade Industrial de Curitiba (CIC).

    O corte representou 5% do total de trabalhadores da unidade que emprega quatro mil pessoas na fabricação de caminhões e ônibus para o Brasil e América Latina.

    Segundo Greca, as vendas de caminhões Volvo no Brasil recuaram 2,5% de janeiro a maio deste ano, apesar da redução dos impostos.

    “Nós temos que ser criativos, unidos, renunciar impostos, afastar nuvens cinzentas. Precisamos apoiar a indústria e promover a boa educação, pois essa é a política mais correta”, disse Greca.

    Diálogo

    Como prefeito, Greca assumiu o compromisso, com o presidente da Fiep, Edson Campagnolo, de abrir as portas da Prefeitura de Curitiba, para o diálogo entre os empresários e os sindicatos.

    “A Prefeitura será um espaço aberto e democrático, para debatermos as melhores propostas e possibilidades para empresários e trabalhadores”, ressaltou.

    Publicado por jagostinho @ 15:43



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.