Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 29jul

    RADAR ON-LINE/LAURO JARDIM/VEJA.COM

     

    Ação trabalhista

    Paladino: ação contra SS e o BTG

    Quem entrou com uma ação trabalhista contra o PanAmericano foi Rafael Paladino, ex-presidente do banco que hoje pertence ao BTG Pactual, e não Luiz Sandoval, ex-presidente do grupo Silvio Santos, Paladino incluiu também SS como réu no processo.

    Sandoval acusa, no processo, SS de pagar os salários dele e dos executivos do PanAmericano eram pagos “por fora”, “por meio de pessoas jurídicas, com o único propósito de que ele economizasse encargos trabalhistas”.

    Ainda na ação afirma que Silvio Santos não revelou que os salários eram pagos “por fora” por que “confessaria o esquema de fraude trabalhista que engendrou apenas para economizar encargos”.

     

    Floripa na ponta

    Florianópolis: a número 1

    Florianópolis é a cidade brasileira com a maior inclusão digital, de acordo com o pesquisador Marcelo Neri, da FGV-RJ, que lança na terça-feira um ranking global e local que envolve telefonia fixa, celular e internet de todos os 5 568 municípios brasileiros e em 160 países.

    São Paulo e Rio de Janeiro não estão nem entre as vinte primeiras do ranking.

    Quando se olha para o mundo, Cingapura é o país campeão de inclusão e o lanterna é a Repúblican Centro—Africana.

    O Brasil está exatamente no meio do ranking. Em 80º lugar.

     


    Conexão Europa

    Cachoeira: seus tentáculos passavam pela Europa

    A CPI do Cachoeira acaba de chegar ao nome de uma empresa europeia com fortes ligações com a quadrilha de Goiânia.

    Ela é sócia de várias empresas de Carlinhos Cachoeira e de outras “laranjas” que receberam recursos do esquema do bicheiro.

    Era uma das formas para viabilizar a entrada de dinheiro no Brasil.

     

    Em guerra

    Torcida do Flamengo nos tempos em que ainda tinha o que comemorar

    Não é só em campo que o Flamengo padece. Dentro do clube, a briga entre facções corre solta.

    Ontem, o grupo de Márcio Braga, ex-presidente, protocolou no conselho deliberativo do clube um pedido de investigação da gestão de Patrícia Amorim.

    O relatório de acusações é cabeludo.

    Publicado por jagostinho @ 11:18



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.