Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 15mar

    ANPr

    O governador Beto Richa, junto com o presidente da Cotriguaçu, Irineo da Costa Rodrigues, inaugurou nesta

    Governador Beto Richa na inauguração do novo Terminal Ferroviário da Cotriguaçu Cooperativa Central, instalado junto ao Terminal da Ferroeste. Cascavel, 14/03/2013 Foto: José Gomercindo/ANPr

    Governador Beto Richa na inauguração do novo Terminal Ferroviário da Cotriguaçu Cooperativa Central, instalado junto ao Terminal da Ferroeste – Foto: José Gomercindo/ANPr

    quinta-feira (14/03) o novo Terminal Ferroviário da Cotriguaçu Cooperativa Central, em Cascavel.

    A estrutura, que conta com quase R$ 60 milhões em financiamentos do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), será um dos maiores projetos brasileiros de recepção, armazenamento e transporte de cargas frigorificadas e contêineres. 

    Localizado junto ao Terminal da Ferroeste, a estrutura terá capacidade para armazenar cerca de 360 mil toneladas.

    “Estamos contribuindo para um desenvolvimento mais vigoroso do Oeste do Paraná”, afirmou o governador.

    Ele ressaltou que a parceria entre o Governo do Estado e a Cotriguaçu é essencial para trazer mais riquezas e desenvolvimento à região.

    “Uma demonstração inequívoca da força do nosso Estado e o verdadeiro testemunho das importantes parcerias com as cooperativas. Somente lado a lado vamos avançar a passos largos, fazendo do Paraná um Estado mais competitivo”, declarou Richa. 

    PRIMEIRA ETAPA – Nesta primeira etapa, foi inaugurada uma Central de Armazenagem Frigorificada. A câmara movimenta o equivalente a 22 mil toneladas de congelados por mês.

    O valor do investimento é de R$ 34,2 milhões – sendo R$ 20,3 milhões financiados pelo BRDE. Segundo a cooperativa, devem ser gerados 90 empregos diretos e outros 280 indiretos. 

    O presidente da Cotriguaçu explicou que o complexo reduzirá custos com armazenamento e transporte. O objetivo, segundo Irineo da Costa Rodrigues, é elevar a competitividade dos produtos do Oeste no concorrido mercado mundial.

    “É uma largada para resolver o nó logístico que temos. Mais uma prova do quanto confiamos no processo de expansão desta região, uma das que mais crescem no País.”, disse ele. 

    COMPLEXO GRANELEIRO – O Terminal da Cotriguaçu será construído em etapas. O empreendimento está localizado em área total de 170 mil metros quadrados, junto ao Terminal da Ferroeste.

    Durante a solenidade, também foi lançada a Pedra Fundamental do Complexo Graneleiro, projeto que visa a implantação de um complexo de armazéns para grãos com capacidade de 120 mil toneladas.

    Este projeto também conta com R$ 39,4 milhões financiados pelo BRDE. 

    “O BRDE é parceiro das cooperativas desde os anos 70 e demonstra, hoje, que o banco não perdeu seu foco e continua do lado do homem do campo”, afirmou Dilvo Grolli, presidente da Coopavel, de Cascavel. Além da Coopavel, a Cotriguaçu é composta pelas cooperativas C. Vale, Copacol e Lar. 

    Também participaram da solenidade o secretário estadual da Agricultura, Norberto Ortigara; os deputados federais Alfredo kaefer e Eduardo Sciarra; os deputados estaduais André Bueno, Nereu Moura, Leonaldo Paranhos e Élio Rusch; o presidente da Itaipu Binacional, Jorge Samek; o presidente da Appa, Luiz Henrique Dividino; entre outras lideranças e representantes.

    Publicado por jagostinho @ 11:44



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.