Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 24ago

    VEJA.COM

    Serviço criado por Bruno Santos, vencedor do Prêmio Jovens Inspiradores 2013, ajuda eleitores a avaliar promessas de campanha

    Bianca Bibiano
    Bruno Santos, um dos quatro vencedores do Prêmio Jovens Inspiradores 2013

    Bruno Santos, um dos quatro vencedores do Prêmio Jovens Inspiradores 2013 (VEJA)

    O que propõem os candidatos à Presidência nas eleições 2014? O que pensam eleitores sobre as propostas? Captar essas informações e apresentá-las à sociedade de maneira clara é o principal objetivo de Bruno Santos, de 26 anos, um dos vencedores do Prêmio Jovens Inspiradores 2013 e um dos criadores do Projeto Brasil, site que reúne informações sobre presidenciáveis e eleitores.

    “Queremos que o Brasil seja um país mais democrático e esse processo começa pelo acesso à informação”, diz.

    A motivação do projeto, que até setembro também trará informações sobre os candidatos aos governos estaduais, veio das conversas informais dos sete colegas sobre as eleições.

    “Percebemos que a maneira como as informações sobre política são divulgadas em geral afastam os cidadãos. Contudo, é um tema imprescindível a todos e facilitar o acesso aos dados se tornou nosso objeto de trabalho”, diz.

    “Mostramos as propostas por área — como saúde, educação e cultura —, usando frases curtas e permitindo que o cidadão compare as ideias de cada candidato sobre um tema.”

    Além de mostrar informações dos candidatos, o Projeto Brasil permite que os usuários comentem propostas apresentadas e deem notas a cada uma delas.

    O cadastro é feito com uma conta de e-mail ou de Facebook. Quem utilizar a rede social, pode ainda compartilhar as opiniões na rede e convidar seus amigos a comentar as propostas.

    “Após as eleições, o site entra em uma nova fase, que permitirá acompanhar se as propostas estão sendo cumpridas e quanto está sendo gasto”, diz Santos.

    O conteúdo do portal é totalmente gratuito. Mas seus organizadores possuem um plano de negócios que poderá garantir sua sobrevivência.

    As pesquisas feitas com os visitantes serão vendidas, por exemplo, a candidatos, que podem encomendar análise de opinião segmentada por faixa etária, renda e gênero.

    Em todo esse processo, o grupo preza pela isenção partidária e pela confiabilidade das informações. “Usamos apenas dados oficiais e informações fornecidas pelos usuários para traçar os perfis.”

    O interesse pelo assunto nasceu muito antes do lançamento do Projeto Brasil. Formado em ciências econômicas pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Santos trabalhou até o primeiro semestre deste ano na São Paulo Negócios, empresa ligada à Prefeitura da capital paulista.

    Lá, abraçou a missão de agilizar procedimentos burocráticos e elevar a qualidade do serviço público prestado.

    Saindo do empresa, prepara-se para cursar um MBA no Instituto de Tecnologia de Massachusetts, onde vai passar os próximos dois anos — sem deixar de lado o Projeto Brasil.

    Se você também quer fazer a diferença, inscreva-se no Prêmio Jovens Inspiradores 2014.

    Promovido por VEJA.com em parceria com Companhia de Talentos, Abril Plug and Play e Chivas, o concurso vai identificar e encorajar estudantes ou recém-formados com idades entre 18 e 34 anos com espírito de liderança e comprometimento permanente com a busca da excelência.

    O objetivo maior é ajudar a preparar líderes capazes de desatar os nós dos setores público e privado que ainda impedem o Brasil de avançar.

    O concurso vai premiar dez finalistas com iPads e troféus; quatro grandes vencedores ganharão também bolsas de estudo no exterior e um ano de orientação profissional (“mentoring”).

    Nesta edição, haverá uma categoria adicional voltada a empreendedores com idades entre 25 e 34 anos: um prêmio de 100.000 reais será destinado ao projeto ou empresa do vencedor.

    Publicado por jagostinho @ 18:51



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.