Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 26ago

    TODOS CONTRA MARINA

    BLOG MEANDROS DA POLÍTICA/JORNALISTA RODINI NETTO

    Até o período em que Eduardo Campos, ainda vivo, era o candidato a presidente da República pelo PSB, não se via um “discurso de ódio” tão ostensivo contra algum candidato a presidência que não fosse a atual presidente Dilma Roussef (PT)…

    Eduardo Campos morreu… sua candidata a vice, naturalmente, o sucedeu e, agora candidata à presidência pelo mesmo partido de Campos, o PSB, vem enfrentando, por todos os setores (inclusive o de grupos editoriais que, velada ou abertamente apoiavam Campos), uma campanha de ódio…

    Seria porque é negra, evangélica, de origem pobre e seringueira, alguém que saiu do nada, enfrentou (e enfrenta) uma doença, estudou, se formou, e alcançou a política?

    A política do “Todos contra Marina” nada mais é do que uma vergonhosa orquestração de grupos políticos das mais diversas matizes, embrenhados no coronelismo político, no oportunismo visceral da política brasileira, contrapostos por uma candidata que vem ganhando não só apelo popular, mas também, o carinho do povo brasileiro.

    Já o era antes da candidatura oficial a vice, com Eduardo Presidente. Afinal, nas pesquisas de opinião, o nome de Marina sempre foi mais lembrado pelo eleitor…

    Agora, candidata à presidência, herdeira de mais de 20 milhões de votos da última eleição que disputou como candidata à presidência da República em 2010, é uma clara “pedra no sapato” de um bando de hipócritas que lhe dava “tapinhas nas costas” e que, agora, preferem lançar carregamentos de pedras…

    A política do “Todos contra Marina” é o verdadeiro desespero das elites de esquerda e de direita deste país… de pessoas que tem medo do novo… e que representam o pensamento mais obscuro do íntimo da sociedade brasileira: o preconceito.

    “Todos contra Marina” é o preconceito enraizado e enraivecido de todos os que a julgam por sua cor, por sua origem, por seu combate contra as oligarquias (frente ao Ministério do Meio Ambiente), por não ter cedido aos interesses das multinacionais e, sim, porque vai implementar uma política diferenciada em nossa nação, o que vai destruir paradigmas.

    “Todos contra Marina” é a política dos grandes grupos editoriais, que não aceitam e não querem a mudança, a transformação da sociedade.

    “Todos contra Marina” é a propaganda do atraso, da subserviência aos grupos que, desde o fim da Ditadura Militar se locupletam no poder e não querem “largar o osso”, partidos ditos de esquerda, de centro e de direita.

    Essa é verdadeira essência do “Todos contra Marina”.



    Publicado por jagostinho @ 16:27



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.