Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 30ago

    Almoço por adesão realizado no bairro Santa Felicidade, em Curitiba, reuniu apoiadores de quase todas as regiões do Paraná.

    AlmoçoMais de 3 mil pessoas estiveram presentes, neste sábado, no almoço por adesão à coligação Paraná Com Governo (PMDB/PV/PPL), no restaurante Dom Antônio, em Curitiba (PR).

    De acordo com os organizadores do evento, mais de 320 municípios estiveram representados.

    O senador Roberto Requião, candidato ao governo do Paraná, fez um discurso e disse como pretende recuperar as finanças do Estado.

    “A dívida consolidada do governo já está em R$ 25 bilhões, sem que ele tenha feito rigorosamente nada no Paraná. Fez apenas negociatas com a Copel e com a Sanepar para favorecimento de financiadores de campanha”, afirmou.

    Requião ainda criticou a atual situação carcerária do Estado. “Eu lembro que a secretária de Justiça foi ao Maranhão, depois da rebelião da penitenciaria de Pedrinhas, para ensinar os maranhenses como o Paraná fazia nessa fantástica gestão. Nós construímos 12 penitenciárias. O atual governo, nenhuma”.

    ” O governador tira presos das delegacias e superlota as penitenciárias, criando uma bomba relógio. Presidiários sem papel higiênico, sem sabonete e com comida deteriorada. E tudo deságua nessa tragédia de Cascavel. Eu lembro que o governo do Paraná foi ao Maranhão ensinar como se faz, em uma jogada de marketing extraordinária”, disse.

    O evento foi organizado por três ex-presidentes da Associação dos Municípios do Paraná. O ex-prefeito de Castro Moacyr Fadel disse que levou dez dias para preparar tudo.

    “Conseguimos isso em um tempo recorde. Nós pensávamos em fazer um almoço apenas para lideranças, ou seja, para cerca de 600 pessoas. Mas logo a coisa tomou forma e virou isso aqui. É a certeza que o Paraná quer o Requião de volta no comando do Estado”, disse.

    Já o ex-prefeito de Barracão Joarez Henrichs revelou que o almoço superou as expectativas.

    “Estamos satisfeitos em conseguir trazer lideranças políticas de todas as regiões do estado. Mesmo porque são pessoas que vão sim colocar a campanha na rua”, afirmou.

    Outro organizador, o ex-prefeito de Piraquara Gabriel “Gabão” Samaha, lembrou que o sucesso do evento dependeu exclusivamente da grande adesão de todos:

    “Foi muito importante a presença de todos. Agradecemos o empenho e a determinação de todos os colegas que vieram até aqui”.

    A vice na chapa de Requião, deputada federal Rosane Ferreira (PV), e o candidato ao Senado Marcelo Almeida também estiveram presentes, além de centenas de candidatos a deputado da coligação Paraná Com Governo.

    Ponto 15 – Durante o evento, foi lançado também um projeto inovador da campanha de Requião, o Ponto 15.

    Qualquer pessoa pode transformar um espaço em um pequeno comitê, seja a sala de casa, a garagem ou uma parte do escritório.

    Os voluntários do Ponto 15 receberão missões diárias, como, por exemplo, ouvir as demandas da população.

    No total, 1.600 kits do Ponto 15 foram distribuídos neste sábado, contendo adesivos, jornais e uma mídia com os vídeos e jingles da campanha.

     

    (Assessoria de Imprensa/Filipi Oliveira)

    Publicado por jagostinho @ 18:35



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.