Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 01jul

    PORTAL BANDA B – Marina Sequinel e Antônio Nascimento

     

    Ratos atacam cães em rua que virou lixão no Cajuru, denunciam moradores

    Moradores do bairro Cajuru, em Curitiba, estão revoltados com o lixão que tomou conta do final da Rua José Barcik, próximo ao córrego Natália Reginato.

    Segundo eles, algumas pessoas jogam todo tipo de material no local, desde restos de lajota, pedaços de telha até canos de pvc.

    O espaço virou, ainda, ‘criadouro’ de ratos perigosos, que já chegaram a atacar os cães da vizinhança.

    “A nossa cachorra, uma pinscher de nove anos, morreu depois de ser mordida por um desses roedores. Ela acabou contraindo leptospirose. Eles avançam nos nossos bichinhos, não é brincadeira. Não tem como a gente continuar assim, absorvendo toda essa sujeira e cheiro insuportáveis”, afirmou a moradora Isabel Paula Conceição da Silva em entrevista àBanda B nesta terça-feira (30).

    Larissa dos Santos, que também vive na região, contou que quase perdeu um cachorro por causa dos ataques dos ratos. “Ele só se salvou porque a gente correu no veterinário e gastou bastante com os procedimentos e remédios. É terrível, nós escutamos os ratos andando no forro da casa, parece gato, mas não é”, disse ela.

    Os moradores já flagraram as pessoas jogando lixo no local, mas não costumam reclamar diretamente com elas por medo de retaliações.

    “Isso é uma falta de respeito. Se a prefeitura fizesse uma limpeza e retirasse os entulhos já ajudava, mas nem isso é feito. Muitos indigentes passam por aqui e usam o meu muro como banheiro. A situação está difícil, não dá mais para aguentar”, concluiu Elias Mendes, dono de uma residência na rua.

    Resposta

    Em nota, a Prefeitura de Curitiba informou que a Administração Regional Cajuru fará uma vistoria para que uma nova limpeza seja realizada no local.

    De acordo com o órgão, é importante ressaltar, no entanto, que a gestão recolhe mensalmente cerca de 1,6 mil toneladas de lixo e entulhos depositados de maneira irregular na cidade.

    O custo total dessas operações é de R$ 187 mil ao mês, ou R$ 2,2 milhões por ano, incluindo recolhimento e destinação.

    “Esse recurso poderia ser usado para construir um Centro Municipal de Educação Infantil, por exemplo, se houvesse maior consciência de parte da população sobre o depósito do lixo nos locais corretos de coleta. Em muitos casos, em menos de duas semanas após a operação de limpeza realizada pelas equipes da Prefeitura, o local está novamente lotado de lixo e entulhos”, finaliza o texto.



    Publicado por jagostinho @ 13:21



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

3 Respostas

WP_Cloudy
  • ROBERT Disse:

    Esse Fruet é um enganador. Carinha de bobo mas tá numa boa. Só que nunca mais ganha uma eleição. Babacão.

  • Geremias Disse:

    Não se iluda, ROBERT. Quem manda na prefeitura é o Mac donald. Esse sim é esperto. O Fruet não manda nem na casa dele.

  • Gregório Disse:

    Esse já era. Tá morto e esqueceram de enterrar! Se liga Fruet, seu cara de bunda.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.