Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 30jul

    * BLOG O CAFEZINHO / MIGUEL DO ROSÁRIO

     

    IDEIA BIG DATA: LULA 29%, BOLSONARO 17%, MARINA 11%, CIRO 7%, GERALDO 7%

     

    Façamos um breve resumo da última pesquisa feita pelo Instituto Ideia Big Data, entre os dias 20 e 23 de julho, publicada com exclusividade pela Veja na edição deste final de semana.

    A reportagem afirma que Bolsonaro é uma “ameaça real”, e que o cenário perfeito, para o candidato, é enfrentar um petista indicado por Lula no segundo turno, o que possibilitaria transformar a eleição num plebiscisto sobre a volta ou não do PT ao poder.

    A pesquisa espontânea – em que nenhum nome é apresentado ao entrevistado – mostra que apenas dois candidatos tem presença substancial na cabeça da grande massa da população: Lula, com 17%, e Bolsonaro, com 14%.

    Além deles, o único candidato que pontua na espontânea é Ciro Gomes, mas com apenas 2%. Todos os outros candidatos somam 3% na espontânea.

    Temos ainda 43% de eleitores indecisos, mais 21% que responderam votar em branco ou nulo.

    Ou seja, temos um universo de 64% dos eleitores à disposição de qualquer candidato.

    Abaixo, quatro cenários testados pelo Ideia Big Data: com Lula;  com Haddad; com Wagner; com “candidato indicado por Lula”.

    Na pesquisa estimulada, o ex-presidente Lula mantém  a dianteira, com 29%, contra 17% de Bolsonaro e 10% de Marina, e 7% Ciro Gomes.

    A revista traz um cenário sem Lula mas com um candidato apresentado como “alguém do PT indicado por Lula”.  Neste cenário, Bolsonaro lidera em todas as regiões.

    No nordeste (sem Lula, claro), Bolsonaro teria 19%, contra 16% do “candidato indicado pelo PT”, 10% de Marina e 9% de Ciro.

    No sudeste, Bolsonaro tem 15%, Geraldo 10% e tanto o “candidato indicado pelo PT” como Ciro tem 6%.

     

    Um número da pesquisa Big Data que me pareceu muito emblemático é que 92% dos entrevistados responderam que não votariam de forma nenhuma num candidato apoiado por Temer.

    Será importante, por isso mesmo, mostrar que o partido de Bolsonaro foi o mais fiel, de todos, ao governo Temer, e que o PSDB de Geraldo Alckmin faz parte do governo.

    A Veja postou um vídeo não-listado com os resultados da pesquisa, que você pode assistir abaixo.

    Num cenário para o segundo turno,  Lula ganharia de 37% a 30% de Bolsonaro.

    Se o candidato fosse Haddad, porém, Bolsonaria venceria de 31% a 15%.

    Um eventual embate entre Bolsonaro e Ciro no segundo turno ficaria entre 27% a 25%.

     

    *MIGUEL DO ROSÁRIO

    Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.



    Publicado por jagostinho @ 09:33



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.