Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 29jun

    PARANÁ PORTAL/PEDRO RIBEIRO

     

    Conselho de Medicina homenageia profissionais com 50 anos de atividades

    O médico cardiologista Constantino Costantini será um dos homenageados pelo Conselho Regional de Medicina

     

    Como tem sido tradição nos últimos 34 anos, em outubro, como parte das comemorações alusivas ao Dia do Médico, o Conselho Regional de Medicina do Paraná presta homenagem aos profissionais que alcançaram 50 anos de atividades ininterruptas sem qualquer sanção ética.

    A entrega do Diploma de Mérito Ético-Profissional é uma forma reverenciá-los por trajetória tão intensa em prol dos valores hipocráticos.

    O simbolismo maior é pelo exemplo que devem representar àqueles que pretendem seguir ou já se iniciam na atividade, para que não se desviem do caminho da ética e tenham em mente a missão de zelar pela saúde das pessoas.

    Neste ano, serão 139 médicos a serem distinguidos com a comenda, em sua maioria formados pela Universidade Federal do Paraná e também pela Católica do Paraná.

    Em 1986, quando da homenagem inaugural, foram somente 10 os expoentes éticos da profissão alcançados. Nesta jornada já são quase 1,5 mil os diplomados.

    Parece muito, em números, mas é uma conquista que mostra perseverança. Afinal, é preciso trabalhar por meio século sem se desviar dos rigores éticos da profissão para ter o nome inscrito no rol do Jubileu de Ouro da Medicina.

    Dos 139 médicos homenageados em 2019, muitos são pioneiros e desbravadores de pequenas municipalidades paranaenses, para onde seguiram logo depois de formados, em 1969.

    Hoje, a maior parte desse grupo mora em Curitiba (43). Outros 13 são de Londrina, nove de Maringá, oito de Ponta Grossa, sete de Apucarana, cinco de Campo Mourão, quatro de Cascavel e três de Foz do Iguaçu.

    Os demais estão em cidades menores, onde constituíram famílias e até contam com filhos na profissão.

    Na seleta lista, cujos integrantes serão homenageados em solenidade no dia 13 de outubro, está o casal Mário Riscalli Júnior e Rosária Maria Olaio Riscalli, formados pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro e que se radicaram em campo Mourão.

    Também aparece a pediatra Du Su Ying, nascida na China e formada pela UFPR, e o cardiologista Costantino Roberto Costantini Frack, nascido na Argentina, graduado pela Universidade de Córdoba e que teve seu diploma revalidado pela Universidade Estadual de Londrina.

    O Dr. Costantini, aliás, merece especial menção não somente por ser um dos médicos mais novos do grupo, mas pelo que representa para a Medicina enquanto profissional e também professor.

    Ele, que se habilitou para atuar no Paraná em 1976, é diretor do hospital cardiológico de Curitiba que leva o seu nome.

    A unidade foi inaugurada em maio de 1998 como clínica cardiológica.

    Hoje, é uma das mais renomadas instituições de sua especialidade no Brasil.

    Publicado por jagostinho @ 15:35



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.