Publicidade


      Red Apple Cosméticos

      CPV - Centro Paranaense da Visão

      Hospital Cardiológico Costantini

      Hotel Carimã

Twitter @blogdojota


  • 26nov

    JORNAL VERA CRUZ

     

    Pre­ser­vação da Amazônia e lan­ça­mento do pri­meiro sa­té­lite 100% na­ci­onal

     

     

    A Amazônia, apesar da ur­ba­ni­zação de meio sé­culo, da agri­cul­tura, pe­cuária, quei­madas, sempre se man­teve pre­ser­vada, com cerca de 80% de sua mata pre­ser­vada.

    Em 2021 será lan­çado o pri­meiro sa­té­lite com tec­no­logia 100% na­ci­onal que soma es­forços neste sen­tido.      

    Desde 2007 co­me­mora-se o dia 5 de Se­tembro como o dia da Amazônia, e esta flo­resta ocupa cerca de me­tade do Ter­ri­tório Na­ci­onal Bra­si­leiro.

    Mo­radia de mi­lhares de es­pé­cies ani­mais e ve­ge­tais, e mesmo com a ur­ba­ni­zação de do úl­timo sé­culo, 84% da ve­ge­tação de áreas na­tivas per­ma­necem pre­ser­vadas, 2% são rios, e 14% são áreas ex­plo­radas para cons­trução de ci­dades, pe­cuária e agri­cul­tura.

    Quase ¼ da Amazônia está pre­ser­vada dentro das pro­pri­e­dades ru­rais. Por Lei os donos de terras não podem mexer em uma parte do ter­reno.

    O Pes­qui­sador Chefe da Em­brapa Ter­ri­to­rial ex­plica que as la­vouras cor­res­pondem a apenas 2% do bioma e acabam não sendo re­le­vantes para o agro­ne­gócio na­ci­onal e diz que quem vin­cula as ex­por­ta­ções bra­si­leiras com a questão da de­vas­tação da Amazônia está agindo de má fé porque a pro­dução agrí­cola e de grãos do Brasil não está lá, a da Amazônia é ir­re­le­vante.

    A agri­cul­tura local é im­por­tante para o abas­te­ci­mento local para mais ci­dades que ficam dentro da Amazônia. Os pe­quenos e mé­dios agri­cul­tores é que for­necem café, leite, carne, para todas essas ci­dades, fi­caria muito caro se fosse de outra forma. 

    O Brasil desde 2008 através de pes­qui­sa­dores do Ins­ti­tuto Na­ci­onal de Pes­quisas Es­pa­ciais, em São José dos Campos estão de­sen­vol­vendo um sa­té­lite com tec­no­logia 100% na­ci­onal, que vai ajudar na mo­ni­to­ri­zação da pre­ser­vação da Amazônia.

    Este sa­té­lite está na úl­tima fase de testes, antes de ser lan­çado ao es­paço.

    Cha­mado Amazônia 1, tem 640 kg e 2,5 me­tros de al­tura e é o pri­meiro sa­té­lite desta ca­te­goria 100% na­ci­onal. Isto quer dizer que bra­si­leiros pro­je­taram e também vão operar o equi­pa­mento.

    O sa­té­lite cap­tará ima­gens que podem ser uti­li­zadas para mo­ni­to­ra­mento em zonas cos­teiras e sa­fras agrí­colas por exemplo mas a prin­cipal função vai ser acom­pa­nha­mento e evo­lução do des­ma­ta­mento em grandes áreas como a Amazônia.

    Em De­zembro, o sa­té­lite deve ser le­vado para a Índia, para lan­ça­mento pre­visto para 2021, pois a base de Al­cân­tara no Ma­ra­nhão não com­porta este ta­manho de sa­té­lite ainda.                                                                                       

    Há sim es­forços go­ver­na­men­tais no sen­tido de manter a pre­ser­vação da Amazônia, ze­lando tanto pela ex­tinção de quei­madas, pelo des­ma­ta­mento, como pro­teção da bi­o­di­ver­si­dade, o que con­traria in­te­resses es­cusos de certos or­ga­nismos e países, que ti­nham em mente manter prá­ticas van­ta­josas ex­traídas da ri­queza da flo­resta, por isso tantos alardes nas mí­dias in­ter­na­ci­o­nais, prin­ci­pal­mente en­ga­nando e men­tindo o tempo todo.

    Publicado por jagostinho @ 15:46



Os comentários NÃO representam a opinião do Blog do Jota Agostinho. A responsabilidade é EXCLUSIVA do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

Deixe um comentário

Por favor, atenção: A moderação de comentário está ativa e pode atrasar a exibição de seu comentário. Não há necessidade de reenviar o comentário.